Téc de enfermagem de 22 anos morre vítima de COVID-19 e sua mãe manda recado ‘destruidor’ para Bolsonaro


A Covid-19 tem matado milhares de pessoas no mundo todo, a rotina das pessoas mudou completamente, hoje as pessoas usam mascaras ao sair na rua, evita aglomerações e lava as mãos, essa são as dicas da OMS (Organização Mundial da Saúde) para evitar um contágio em massa na população.

O Brasil já se tornou o segundo país no mundo todo com mais mortos pelo vírus e mais infectados, ficando atrás apenas dos EUA.

Nesta terça-feira, 28 de julho, mais uma triste notícia abalou o Brasil, um jovem de apenas 22 anos, morreu vítima da covid-19, ele era técnico de enfermagem e atuava em MT. Klediston Kelps morreu no último sábado, 22/07 segundo as informações do G1, portal da Globo.

Internado em uma unidade de saúde municipal desde o final do último mês de junho, o estado de saúde do jovem piorou em 18 de julho. Ele precisou ir para UTI,  de um hospital particular, após sete dias hospitalizado, ele não resistiu e veio a óbito. A Secretaria de Saúde informou que o técnico em enfermagem tinha comorbidades.

O jovem atuava no setor de urgência e emergência da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. Sua mãe está inconformada com a perda do seu filho tão jovem e fez um desabafo nas redes sociais em seguida com um recado direto para Bolsonaro.

Ela citou essa frase, porque em um dos seus discursos, Bolsonaro minimizou a gravidade da doença, dizendo que era apenas uma gripezinha.

 

Fonte: G1