Secretário pode ter transmitido coronavírus para Bolsonaro e Trump


A notícia que já circula nos grandes sites e na mídia dão conta de que o chefe da Secom, Fábio Wajangarten, está com suspeita de coronavírus e teve contato direto com os presidentes Trump e Bolsonaro recentemente.

Por isso, tanto o presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro quanto o presidente dos EUA, Donald Trump podem estar infectados com o novo coronavírus.

Caso algum deles ou ambos apresentem sintomas como falta de ar, dor no corpo, febre e dor na garganta, deverão fazer a sorologia para o Convid-19 também.

Vale dizer que essas medidas são necessárias para qualquer pessoa que tenha viajado para fora do país nos últimos 14 dias.

Como a exemplo do secretário que voltou do exterior com sintomas do novo coronavírus.

De acordo com informações do jornal Folha de São Paulo, o funcionário público já passou por exames e os resultados só devem sair nesta quinta-feira, 12 de março.

O Secretario do governo Bolsonaro, fez uso de suas redes sociais para tentar dar uma aliviada na situação e Twittou dizendo que ele está bem, porém não deu maiores informações sobre a suspeita de contagio com o novo vírus.

Sobre esse assunto, o presidente Jair Messias Bolsonaro ainda não se pronunciou até o momento.