Reinier, joia do Fla, é apontado como possível reforço para o Real em 2020




Depois de o técnico Jorge Jesus, do Flamengo, indicar a iminente venda de uma joia rubro-negra “a um gigante europeu por milhões de euros”, Reinier, de 17 anos, é destaque no site do diário Marca, da Espanha, sendo apontado como o possível primeiro reforço do Real Madrid em 2020. De acordo com a publicação, o promissor meia está no radar do clube merengue um pouco mais de uma temporada.

A declaração do Mister, que lançou Reinier entre os profissionais da Gávea, foi dada ao jornal Record, de Portugal, durante as férias do técnico em sua terra natal. Oficialmente, o Flamengo diz não ter recebido qualquer proposta pelo meio-campista, cujo vínculo foi renovado em novembro de 2019 e passou a ter validade até 29 de outubro de 2024. Com a prorrogação, a multa rescisória foi diminuída – era de 70 milhões de euros. Os valores são mantidos em segredo.

No Marca, destaca-se a movimentação de Reinier nas redes sociais nos últimos dias. De acordo com o diário, o meia passou a seguir vários atletas do Real Madrid.

2019 foi o primeiro ano de Reinier entre os profissionais do Flamengo: 15 jogos e seis gols (Foto: Marcelo Cortes/CRF)

Com passagens de destaque pelas seleções de base do Brasil, Reinier jogou  sua primeira temporada entre os profissionais do Flamengo. Sua estreia foi em julho, contra o Emelec (EQU) no Maracanã, pelas oitavas da Libertadores. As primeiras chances do promissor meia já vieram sob o comando de Jorge Jesus.

No total, foram 15 partidas (oito como titular) e seis gols no segundo semestre, tendo participado das conquistas do Campeonato Brasileiro e da Libertadores.

Como disputou o Mundial de Clubes em dezembro, Reinier curte férias neste momento. Porém, não se reapresentará junto aos demais jogadores do Flamengo no dia 22 de janeiro. O jovem foi convocado por André Jardine e disputará o Torneio Pré-Olímpico com a Seleção Brasileira Sub-23 na Colômbia.

Disputado entre 18 de janeiro e 9 de fevereiro, o Pré-Olímpico apontará os dois representantes da América do Sul nos Jogos Olímpicos de Tóquio, este ano.

O Brasil faz parte do Grupo B ao lado de Bolívia, Paraguai, Peru e Uruguai. O Grupo A é composto por Argentina, Chile, Colômbia, Equador e Venezuela.

Fonte: Esporte/Terra