Não há vagas para seu signo! Empresa que usa ‘signo’ como critério para contratação causa revolta


A vida não está fácil para ninguém, principalmente para aquelas pessoas que estão desempregadas em uma época de crise como o Brasil enfrenta.

Geralmente as empresas que estão contratando novos colaboradores usam muitos critérios para a avaliação dos candidatos, o que a maioria leva em consideração é a experiência e a qualificação de cada um deles.

Agora imagine se além de levar seu currículo, você tenha que apresentar seu mapa astral para conseguir um emprego? Parece coisa de lunático, concorda? Mas acredite isso pode acontecer.

De acordo com o portal de notícias online, ‘Época Negócios’, algo parecido aconteceu com o designer Pedro Henrique, de 23 anos, que foi pego de surpresa em meio a uma entrevista de emprego quando precisou informar qual era seu signo.

Segundo Pedro ele foi entrevistado pelo próprio dono de uma loja no Rio de Janeiro, o empresário lhe fez várias perguntas sobre sua vida profissional e sobre sua experiência na universidade.

Contudo depois de algum tempo ele passou a fazer perguntas de cunho pessoal e quis saber qual era o signo do jovem candidato a uma vaga de estágio. Pedro é de leão.

A pergunta causou muita estranheza, afinal de contas o que seu signo tem a ver com sua competência profissional?

Algumas horas depois Pedro relatou a sua experiência durante a entrevista para um amigo que já havia trabalhado na empresa e ficou perplexo com que ouviu.

Segundo o amigo de Pedro o empresário sempre questiona o signo de seus futuros colaboradores, pois não contrata ninguém que nasceu sob o signo de touro.

O fato causa indignação em especialistas em Recursos Humanos (RH), que dizem que o signo não pode ser considerado de forma alguma um critério para a contratação de um trabalhador.

Vale ressaltar que este não é um fato isolado e está se tornando cada vez mais comum, causando muita revolta em quem busca uma oportunidade de emprego.

Fonte: Época