Jovem é morto em carreata pró-Haddad na cidade de Pacajus, no Ceará

Foto: Montagem/Divulgação

Na noite deste sábado, dia 27/10, Charlione Lessa Albuquerque, de apenas 23 anos, foi morto durante uma carreata pró-Fernando Haddad, candidato à presidente do Partido dos Trabalhadores (PT). Tudo aconteceu na cidade de Pacajus, no Ceará.

Segundo relatos de familiares da vítima ao jornal O Povo, o rapaz esteva dentro de um carro quando foi baleado. O criminoso saiu em um Gol branco e efetuou os disparos.

Charlione não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital local. Ele trabalhava como servente de pedreiro na capital do estado, Fortaleza.

Até o momento não há informações oficiais das autoridades sobre qual seria o motivo do assassinato. E o fato vem repercutindo nas redes sociais. Um vídeo mostrando o desespero da família vem comovendo o país.

Ainda no sábado, a Juventude do PT divulgou uma nota de condolência aos familiares da vítima.

Confira o texto na íntegra:

“A Juventude do Partido dos Trabalhadores vêm, através desta, prestar condolências aos familiares do jovem Charlione Lessa Albuquerque, de 23 anos, morto enquanto participava de uma carreata em apoio a Fernando Haddad em Pacajus, no Ceará.

Charlione foi vítima de disparos efetuados por um homem ainda não identificado que saiu de um Gol Branco e, aos gritos de Bolsonaro, atacou a carreata e terminou por atingir o jovem que estava com a sua mãe, Regina Lessa, militante sindical e dirigente do Sindicato dos Sapateiros, no momento do ataque.

Charlione é vítima desta política de propagar o ódio, a intolerância e a violência que nós estamos combatendo nessas eleições. Exigimos das autoridades rigor nas investigações para que este atentado não fique impune e que não volte a se repetir. Nós, jovens militantes que acreditamos numa sociedade construída na tolerância, na paz e no amor, permaneceremos nas ruas e amanhã inundaremos as urnas dos nossos sonhos, que certamente eram os sonhos de Charlione.

Não irão nos amedrontar! Não temos tempo para ter medo!

Charlione, Presente!”.

Pesquisa Ibope mostra crescimento de Haddad na reta final do 2º turno

Novo laudo aponta que vídeo íntimo de João Dória com várias mulheres é verdadeiro