Emocionante: Aluno que trabalhava como lixeiro enquanto estudava entra no curso de Direito em Harvard


Rehan Staton, de apenas 24 anos, gerou uma grande onda de comoção nas redes sociais com sua história durante as últimas horas. O garoto trabalhava como lixeiro em sua cidade, ao mesmo tampo que focava em seus estudos no ciclo básico da universidade de Maryland, localizada nos Estados Unidos.  Com tamanho esforço para conseguir conciliar a dura rotina, Rehan recebeu uma notícia que emocionou milhares de pessoas. O rapaz conseguiu passar no exame admissional do curso de direito em uma das universidades mais cobiçadas e prestigiadas de todo o planeta, Harvard.

Como se não bastasse, Rehan ainda foi aceito em outras prestigiadas universidades, como a de Columbia e Pepperdine. O lixeiro, entretanto, não teve dúvidas de qual escolheria, abraçando a oportunidade para iniciar seus estudos em Harvard e conseguir, assim, finalizar o ensino superior. A história do jovem, como era de se esperar, teve uma grande repercussão nos jornais dos Estados Unidos e do mundo, fazendo com que Rehan Staton concedesse até mesmo uma entrevista para o jornal Washington Post.

A mãe de estudante, no momento, está morando em Sri Lanka. Rehan foi criado apenas por seu pai até seus oito anos de idade e, para conseguir criar seu filho, o trabalhador necessitou passar por muito empregos ao mesmo tempo. Rehan conseguiu se adentrar na faculdade, no entanto, não passou nos chamados exames admissionais, necessitando que pagasse pelos seus próprios estudos.

Visando colocar o sonho do ensino superior em prática, o rapaz se mostrou determinado, trabalhando como lixeiro ao mesmo tempo que estudava para entrar em uma universidade sem precisar pagar um valor elevado por isso. Enquanto fazia os primeiros períodos de forma paga, o jovem continuava focado em seus estudos. A rotina de Rehan se mostrava bastante pesada, com o garoto acordando todos os dias às quatro da manhã.

Durante o período do dia, ele realizava seu trabalho, limpando as ruas dos Estados Unidos. Quando chegava à noite, o rapaz ia para a escola. Rehan tinha uma rotina tão turbulenta que não possuía nem mesmo tempo de ir para casa tomar banho e, devido a esse fato, estudava no final da sala de aula.

Fonte: i7News