Delegada conta detalhes e afirma que investigação de supostos abusos do ex-BBB Felipe Prior está perto do fim


Assim que saiu do Big Brother Brasil, o arquiteto Felipe Prior foi surpreendido com a notícia de que seu nome estava envolvido em denuncias de possíveis casos de abuso contra três mulheres.

Os crimes pelos quais o ex-BBB Felipe Prior foi acusado, aconteceram entre 2014 e 2018, de acordo com os registro de boletim de ocorrência.

Felipe Prior já foi ouvido pela Delegacia de Defesa da Mulher de São Paulo.

Em entrevista, a delegada Maria Valéria Pereira Novaes, que está à frente do inquérito, quer remeter o caso à Justiça já na semana que vem.

Nós já ouvimos uma testemunha de defesa do Prior. Eu escutaria mais três nesta segunda-feira, mas precisei desmarcar porque não estava me sentindo bem. Então, entre quinta e sexta, espero já ter colhido o depoimento de todos. Posso adiantar que a investigação já está perto do fim”.

Ainda de acordo com a delegada, não é de responsabilidade dela julgar se o ex-BBB é culpado ou não das acusações:

Assim que terminarem as oitivas, farei um relatório final com os depoimentos das três supostas vítimas, mais o do Prior e das testemunhas de defesa. Juntaremos tudo e mandaremos para o Ministério Público. É lá que eles vão decidir se pedem o arquivamento do processo ou se denunciam o rapaz. Tudo será concluído até semana que vem”.

A assessoria de imprensa de Felipe Prior disse que não comentará as novidades da investigação , mas afirmou que estão tranquilos.

Fonte: EXTRA GLOBO

Todos contra a Covid-19