Autoridades Sanitárias encontram focos de peste suína em Santa Quitéria

Foto: Divulgação

No estado do Ceará, foram encontrados focos da peste suína. O primeiro caso foi no distrito de Mulungu, que fica 215 quilômetros da capital Fortaleza. As autoridades formaram uma força tarefa para conter a propagação da doença. Foram encontrados focos também nas cidades de Santa Quitéria e Forquilha.

Vale ressaltar que a peste suína não atinge humanos, mas causa grandes prejuízos para produtores, porque os porcos precisam ser sacrificados para que o vírus não se propague. Sendo que o vírus é contagioso e causa a alta mortalidades entre os suínos.

Os focos foram encontrados em pequenas propriedades que ficam na cidade de Santa Quitéria, esses proprietários criam porcos para o próprio sustento ou para pequenas vendas no comércio local. Sendo assim não implementam medidas de biosseguridade. Segundo o os agentes responsáveis, nenhuma propriedade tinha cadastro como produtora de suínos, o que mostra um novo problema.

Um dos objetivos dessa força tarefa é descobrir a origem do vírus, para que eles possam atuar para que esse vírus não se propague para outras regiões do estado do Ceará, e nem para outros cantos do país. Mas as equipes trabalham em parceria com a prefeitura e os pequenos produtores para combater essa ameaça eminente.

Santa Quitéria e mais de 40 municípios cearenses recebem recursos do QualifarSUS

Homem é morto a tiros em chácara no bairro Flores, em Santa Quitéria