Amazônia pode ser o maior ‘berçário’ de coronavírus do mundo, afirma cientista


Desde que pandemia do novo coronavírus, a Covid-19, se espalhou pelo mundo, que médicos e cientistas voltaram as atenções para as reais possibilidades do surgimento de novos vírus.

Manaus, AM - Destinos - Trio Viagens

De acordo com o portal de notícias online da revista ‘IstoÉ’, o cientista David Lapola, afirmou que a intervenção do homem em matas nativas gera um enorme desequilíbrio ecológico, trazendo do coração da floresta doenças fatais e desconhecidas.

Com a devastação descontrolada da floresta amazônica a possibilidade da próxima pandemia letal surgir no Brasil é enorme.

A maior floresta tropical do mundo, ainda possui áreas preservadas e que, para o bem da humanidade, deve continuar assim.

Ainda segundo Lapola, de 38 anos, “ a Amazônia é um potão de vírus” e desmatamento inadequado, exploração de minério entre outras atividades pode trazer para fora da mata vírus como o HIV, o ebola e a dengue. “Foram todos vírus que acabaram ou surgindo ou se disseminando de uma maneira muito grande a partir de desequilíbrios ecológicos”.

Mapa mostra que 30% da área de São Paulo é de Mata Atlântica ...

David afirma que de acordo com vários estudos, a transmissão de novos vírus ocorre com mais frequência no sul da Ásia e na África, onde se encontra em maior quantidade certas espécies de morcegos, mas que o surgimento das pandemias não estão ligadas apenas a estas regiões do planeta. Vale ressaltar que a culpa não é dos morcegos, não se deve sair matando morcegos.

A maneira invasiva das florestas, a exploração sem controle e sem um estudo prévio da fauna e flora pode ser desastrosa. A biodiversidade da Amazônia poderia caracterizar a região como “o maior repositório de coronavírus do mundo”.

LEIA TAMBÉM:

7 imagens que te ensinarão como ler o pensamento das pessoas

COVID-19

O novo coronavírus – Covid-19 – não escolhe suas vítimas, todos estão sujeitos e suscetíveis ao contágio, por isso siga as orientações da OMS – Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde e proteja-se. FIQUE EM CASA!!!

Cuide-se para não se tornar mais uma vítima da Covid-19.

Fonte: IstoÉ