Home > TV e Famosos > A vida imita a arte: Joaquin Phoenix, de Coringa, é detido nos EUA

A vida imita a arte: Joaquin Phoenix, de Coringa, é detido nos EUA



Cena de Coringa

Joaquin Phoenix, premiado no Globo de Ouro 2020 pelo papel em Coringa, foi detido nos Estados Unidos ao participar de um protesto organizado pela atriz Jane Fonda (Grace & Frankie) contra mudanças climáticas em frente ao Capitólio, em Washington D.C..

A prisão foi testemunhada pela repórter do The Washington Post, Hannah Jewell, que faz a cobertura da manifestação no local. Além de Phoenix, o ator Martin Sheen e a atriz Maggie Gyllenhaal também foram presos pela polícia do capitólio.

A série de protestos recebeu o nome Fire Drill Friday. As manifestações acontecem desde novembro de 2019 e já resultaram na prisão de vários artistas, incluindo a própria atriz Jane Fonda.

Coringa virou um enorme sucesso, rendendo mais de US$ 1 bilhão nas bilheterias do mundo todo. Dirigido pelo diretor Todd Phillips (Cães De Guerra), o longa é uma história original sobre o icônico vilão. A versão sobre Arthur Fleck, feito por Joaquin Phoenix, mostra um homem lutando para se integrar à sociedade despedaçada de Gotham.

Trabalhando como palhaço durante o dia, ele tenta a sorte como comediante de stand-up à noite, mas descobre que a piada é sempre ele mesmo. Detido em uma existência cíclica, oscilando entre a realidade e a loucura, Arthur toma uma decisão equivocada que causa uma reação em cadeia, com consequências cada vez mais graves e letais.

Fonte: Cine Click